segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Bolsas de Estudo para o Ensino Secundário e Superior a atribuir pelo Município

Estará aberto entre 01 de setembro e 15 de outubro, o prazo de candidaturas à atribuição de bolsas de estudo para estudantes que frequentem o Ensino Secundário e Superior, residentes no concelho de Penacova.

O Município de Penacova atribui, em cada ano escolar, quatro Bolsas de Estudo a estudantes que frequentem o Ensino Secundário e oito Bolsas de Estudo a estudantes que frequentem o Ensino Superior Público que, nas palavras do Vice-Presidente da Autarquia e Vereador com as áreas da Educação e Ação Social, Ernesto Coelho, “se destinam a proporcionar aos alunos do concelho que frequentam o ensino secundário e o ensino superior, e são provenientes de agregados familiares com baixos recursos económicos, a possibilidade de prosseguirem os seus estudos.”

As Bolsas de Estudo atribuídas pelo Município de Penacova correspondem a um montante pecuniário atribuído mensalmente pela autarquia com a duração dos 10 meses correspondentes ao ano escolar. Para além de residirem na área geográfica do concelho, há pelo menos 3 anos, os candidatos às Bolsas de Estudo, devem ter obtido aproveitamento escolar no ano letivo anterior, com média final igual ou superior a 4 ou 14 valores, para o ensino secundário, e igual ou superior a 14 valores, para o ensino superior,  e apresentar comprovada situação de carência económica.

No entanto, o Vice-Presidente da Autarquia, sublinha que “dada a situação socioeconómica do País, a que as famílias de Penacova não são alheias, os Regulamentos de Concurso a Bolsas de Estudo para o Ensino Secundário e para o Ensino Superior, preveem que, em casos extremos de carência económica, os alunos que tenham média mais baixa do que a regulamentada, possam candidatar-se igualmente à bolsa de estudo. A atribuição de Bolsas de Estudo, pela autarquia, tem como objetivo fundamental o combate ao abandono escolar pelos alunos do concelho e, igualmente, contribuir para colmatar as carências económicas das famílias, razão pela qual, em muitos casos esse abandono se concretiza facto que, no nosso entender, deverá ser combatido por todos os meios e, nesse âmbito, os serviços de Ação Social do Concelho têm desempenhado uma missão sobremaneira importante no apoio às famílias.” 

Fonte: Nota de imprensa da Câmara Municipal



Sem comentários:

Enviar um comentário